Notícias

Detido por agredir, ameaçar e injuriar polícias na Nazaré

O Comando Distrital de Leiria da Polícia de Segurança Pública informa que, através da Esquadra da
Nazaré, deteve em flagrante um homem com 28 anos de idade, por resistência e coação sob
funcionário, porquanto agrediu, ameaçou e injuriou vários agentes policiais.

No passado domingo, pelas 03h00, uma equipa policial da Esquadra da Nazaré detetou um veículo
que, face à perspicácia e experiência dos mesmos, lhes despertara à atenção, motivando a sua
abordagem.

Nesse momento o condutor da viatura em apreço arrancou, colocando-se em fuga enquanto lhe era
dada ordem de paragem pelos sinais luminosos/sirenes e equipamento de som/megafone da viatura
policial, nunca acatando tais ordens até à sua interceção.

Aquando da abordagem aos ocupantes da viatura foi detetada uma senhora grávida, tendo o condutor
começado de imediato com comportamentos desadequados e a proferir injúrias e ameaças de
morte contra os polícias envolvidos de forma contínua, recusando ainda realizar qualquer teste
de alcoolemia.

Com alguma dificuldade foi transportado para as instalações policiais, já detido manteve a sua conduta
desafiadora e de resistência ativa perante os polícias.

Na Esquadra da Nazaré, enquanto se mantinha e concretizava formalmente a detenção, o visado,
completamente alterado, continuou a injuriar, a cuspir e a ameaçar de morte os polícias, tendo
conseguido ainda concretizar agressões, inclusivamente atentando contra a sua própria
integridade física ao lançar-se contra as paredes. Perante este cenário foi solicitado reforço policial.

Mais tarde veio a apurar-se que o cidadão em questão apresentava uma TAS de 1,90g/l. Face ao
exposto, atendendo ao concurso de crimes praticados e à manifestação inequívoca de recusa em
comparecer perante a autoridade judiciária em data e hora determinadas, o cidadão recolheu aos
quartos de detenção, mantendo-se detido até à manhã de hoje.

Presente à autoridade judiciária, com reforço da segurança no local, o mesmo saiu em liberdade, com
julgamento marcado para o próximo dia 15 de julho.

Deste modo, consideramos que com a proatividade evidenciada o Comando Distrital de Leiria reforçou
a tranquilidade pública da comunidade residente.

Partilhar:

Este site usa cookies para assegurar uma melhor experiência de navegação.