Notícias

Bailarina do Conservatório Annarella Sanchez participa no Prix Lausanne

“Cada vez que eu entro no palco, eu sinto-me completa”.

Estas são as palavras de Núria Fernandes, uma bailarina do Conservatório Annarella Sanchez, e a única portuguesa no Prix Lausanne, que está a decorrer na Suíça.

Com ela participa Tomás Mendes Ferreira, e Rei Fukuyama (do Japão) – também bailarinos do conservatório de Leiria.

A jovem, de 17 anos, explica que a dança esteve sempre presente na vida dela, já que a mãe é professora de ballet, só que, sempre numa perspetiva de hobbie.

Mais tarde, percebeu que realmente era da dança que queria fazer vida. Agora, o objetivo é, graduar-se quando fizer 18 anos, para ingressar numa companhia internacional.

Esta participação no Prix Lausanne é, certamente, uma mais valia!

Está confiante de trazer bons resultados para Portugal.

O Prix Lausanne começou no domingo, na Suíça, e a final está agendada para sábado, 3 de fevereiro.

É uma das competições de dança mais relevantes do mundo e, na edição deste ano, foram selecionados 88 bailarinos de 19 países, entre mais de 400 candidatos.

R. Cister, Adriana Zeferino

Partilhar:

Este site usa cookies para assegurar uma melhor experiência de navegação.