Notícias

Associação leiriense cria Dia Nacional da Endometriose e da Adenomiose

A partir do dia 1 de março, passou a assinalar-se, em Portugal, e pela primeira vez, o Dia Nacional da Endometriose e da Adenomiose.

A iniciativa foi aprovada na sequência de uma petição da associação leiriense MulherEndo (Associação Portuguesa de Apoio a Mulheres com Endometriose) e, a presidente, Susana Fonseca, explica melhor quais os sintomas destas patologias.

Susana Fonseca – presidente da Associação Portuguesa de Apoio a Mulheres com Endometriose

Apesar de pouco faladas, são doenças que atingem uma grande parte das mulheres e, nesse sentido, é urgente ter atenção aos sintomas, em vez de desvalorizá-los.

O tratamento precoce pode evitar problemas mais graves, como por exemplo, a infertilidade.

Susana Fonseca – presidente da Associação Portuguesa de Apoio a Mulheres com Endometriose

A petição da Associação Portuguesa de Apoio a Mulheres com Endometriose pedia também um atendimento condigno do Serviço Nacional de Saúde para estas patologias, mais sensibilização em termos de campanhas, a comparticipação de medicação, entre outras medidas.

Mas, além de um regulamento para a criação da equipa de investigação, todas as outras propostas foram rejeitadas pelo governo. 

R. Cister, Adriana Zeferino

Partilhar:

Este site usa cookies para assegurar uma melhor experiência de navegação.