Notícias

Alcobaça e Batalha – Detidos por violência doméstica

O Comando Territorial de Leiria, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) no dia 17 de abril, deteve um homem de 54 anos, por violência doméstica, no concelho de Alcobaça.

No âmbito de uma investigação por violência doméstica, os militares da Guarda apuraram que o agressor infligia, violência física e psicológica sobre a vítima, seu pai de 85 anos tendo, na sequência da ação, sido dado cumprimento a um mandado de detenção, que culminou na detenção do suspeito.

O detido foi presente ontem, dia 18 de abril, no Tribunal Judicial da Leiria, para aplicação das medidas de coação.

A violência doméstica é um crime público e denunciar é uma responsabilidade coletiva.

A Guarda Nacional Republicana realiza regularmente campanhas e ações de sensibilização sobre o tema da Violência Doméstica e relembra que, se precisar de ajuda ou tiver conhecimento de alguma situação de violência doméstica, participe.

Batalha – Detido por violência doméstica

O Comando Territorial de Leiria, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE), no dia 16 de abril, deteve um homem de 31 anos, por violência doméstica, no concelho de Batalha.

No âmbito de uma investigação por violência doméstica, os militares da Guarda realizaram diligências policiais que permitiram apurar que o agressor infligiu, de forma reiterada, violência física, psicológica e ameaças sobre a vítima, sua companheira de 39 anos. No seguimento da ação foi dado cumprimento a um mandado de detenção, que culminou na detenção do suspeito.

O detido foi presente no Tribunal Judicial da Leiria, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de afastamento e proibição de contacto por qualquer meio com a vítima.

A violência doméstica é um crime público e denunciar é uma responsabilidade coletiva.

A Guarda Nacional Republicana realiza regularmente campanhas e ações de sensibilização sobre o tema da Violência Doméstica e relembra que, se precisar de ajuda ou tiver conhecimento de alguma situação de violência doméstica, participe:

Partilhar:

Este site usa cookies para assegurar uma melhor experiência de navegação.