Venda de terreno na marginal da Nazaré gera discórdia em reuniões do executivo

A venda pela Câmara Municipal da Nazaré de um imóvel de 1,2 milhões de euros na marginal esteve em discussão na reunião do executivo do passado dia 6 de junho.

Na intervenção do público, o munícipe João António Pombinha, referiu que aquele terreno é propriedade dos herdeiros de António Estrelinha.

João António Pombinha – munícipe

Helena Pola, chefe da Divisão Administrativa e Financeira, explicou que o mesmo já acontecido num mandato anterior e que o tribunal deu o terreno como sendo propriedade da autarquia.

Helena Pola – chefe da Divisão Administrativa e Financeira

O presidente, Walter Chicharro, referiu ainda que, uma vez sendo propriedade camarária, a autarquia pretende avançar com a venda do imóvel.

Walter Chicharro – presidente da Câmara Municipal da Nazaré

Na reunião do executivo do passado dia 15, o munícipe, voltou a pronunciar-se e a mostrar a sua indignação.

João António Pombinha – munícipe

Já o mesmo tendo acontecido anteriormente e depois de o tribunal assumir o imóvel como propriedade do município, Walter Chicharro defende, afincadamente, que o terreno é da autarquia.

No entanto, e por unanimidade, o ponto foi retirado da ordem do dia para que se faça uma nova reavaliação.

R. Cister, Adriana Zeferino

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER

Copyright©Cister.fm