Página Inicial Notícias Sociedade e Ambiente Porto de Mós – 3 Identificados por detenção ilegal de espécies cinegéticas

Porto de Mós – 3 Identificados por detenção ilegal de espécies cinegéticas

O Comando Territorial de Leiria da GNR, através do Núcleo de Proteção do Ambiente de Leiria, entre os dias 12 e 13 de março, identificou três homens, com idades compreendidas entre os 50 e 75 anos, por detenção de quatro aves de espécie cinegética em cativeiro, no concelho de Porto de Mós.

No decorrer de uma ação de patrulhamento os militares detetaram em anexos de três residências as seguintes espécies cinegéticas em cativeiro:

  • Quatro Pintassilgos (carduelis carduelis);
  • Dois Melro-preto (Turdus merula);
  • Dois Melros  (Turdus Meruda);
  • Uma Águia d´asa-redonda (Bútio-Comum);
  • Um Gaio-Comum (Garrulus Glandarios);
  • Um Corvo-comum (Curvus corax).

Foram elaborados os respetivos autos de notícia por contraordenação, sendo que a infração por detenção de espécie cinegética, em cativeiro, é punível com um coima no valor máximo de 5 924 euros.

As aves foram entregues na Ecoteca do Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros, em Porto de Mós para posterior encaminhamento para o Centro de Recuperação de Aves Selvagens. 

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por jcaetano
Carregar mais em Sociedade e Ambiente

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja Também

Rio Maior e Nazaré – Dois detidos por tráfico de estupefacientes

O Comando Territorial de Leiria, através do Posto Territorial de Benedita e Valado de Frad…