Página Inicial Notícias Sociedade e Ambiente Biotecnológica do Óbidos Parque desenvolve novas soluções terapêuticas contra o cancro

Biotecnológica do Óbidos Parque desenvolve novas soluções terapêuticas contra o cancro

A CellmAbs, empresa do Óbidos Parque – Parque Tecnológico de Óbidos, está a desenvolver imunoterapias e terapêuticas personalizadas de nova geração para o tratamento de tumores sólidos (pâncreas, bexiga, gástrico, mama, colorretal, entre outros), devendo entrar em ensaios clínicos, em humanos, no espaço de 12 a 18 meses.

A startup é uma spin-off da Universidade Nova de Lisboa, fundada em 2019 pelos investigadores Nuno Prego Ramos e Paula Videira, mas o projeto de investigação que lidera, centrado numa área completamente nova – a Glico-Imuno-Oncologia -, está a ser desenvolvido desde há alguns anos na academia.

O objetivo da sua tecnologia é fazer com que “o próprio corpo do doente reconheça e neutralize as células tumorais”, tendo como alvos alguns tipos de açúcares aberrantes presentes nessas mesmas células, explicou Nuno Prego Ramos, CEO e cofundador da CellmAbs, durante um evento de networking que decorreu esta semana no Óbidos Parque. “São alvos muito específicos que existem apenas nas células cancerígenas e que, portanto, não surgem nas células saudáveis”.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por jcaetano
Carregar mais em Sociedade e Ambiente

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja Também

Circulação de trânsito em direção à Marginal da Nazaré condicionada em dias de desfile

A circulação do trânsito em direção à marginal, o palco principal do evento “Beu Áuga da F…