Página Inicial Notícias Política Procura turística da Nazaré estendeu-se a todo o ano

Procura turística da Nazaré estendeu-se a todo o ano

Os portugueses e os brasileiros foram as duas nacionalidades que mais recorreram aos serviços do Posto de Turismo e Informação instalado no Sítio da Nazaré, seguindo-se os italianos e os polacos. Já os franceses, espanhóis e alemães foram os que mais entraram no Posto de Informação de Turismo do Mercado Municipal, situado a escassos metros da Praia, à procura de apoio para a sua visita e estada.

Os números da diversidade de nacionalidades e de presenças são a prova que a Nazaré está na moda, e que as ações de promoção do concelho no país e no estrangeiro foram oportunas. Vamos às feiras de turismo e temos trabalhado muito o mercado de incentivos à visita de um território de características únicas”, disse Walter Chicharro, Presidente da Câmara Municipal.

No total, cerca de 93 nacionalidades diferentes passaram pelos balcões de informação sobre o concelho da Nazaré, nomeadamente: Cazaquistão; Dubai; Guiana; Ilhas Faroé; Polinésia Francesa (no Pit do Mercado); no Sítio: Arménia; Cabo Verde; Caraíbas; Costa do Marfim; Hawai; Madagáscar; Senegal e Somália.

O Posto de Turismo do Sítio, a funcionar desde maio de 2017 por iniciativa da Câmara Municipal, colmatando uma necessidade antiga, ao mesmo tempo que permitiu abranger novos mercados, nomeadamente o turismo religioso, que acorre em grandes fluxos ao Santuário de Nossa Senhora da Nazaré, há vários séculos.

Os dados recolhidos nos dois PIT revelam o crescimento de visitantes de Espanha; Canadá; EUA; Brasil; Polónia; Itália e Suíça; Suécia; Austrália e Bélgica.

No total, foram registados 21.456 pedidos de informação sobre o concelho no posto da Praia da Nazaré e 14.470 no Posto do Sítio, instalado nas imediações do Santuário.

Pelos registos, é notório um fluxo de turismo durante mais meses ao longo do ano, retirando o peso das visitas exclusivamente o verão, e do turismo de sol e praia, e esbatendo o problema da sazonalidade, registada por muitos destinos de mar e praia.

Os proveitos totais do turismo já são visíveis durante todo o ano na Nazaré, que é uma das marcas turísticas do território nacional mais conhecida internacionalmente”.

.

.

.Cister fm

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por jcaetano
Carregar mais em Política

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja Também

Delegado Regional da DGESTE escutou preocupações do Município no Conselho Municipal da Educação

No dia em que se celebraram os 749 anos da realização da 1ª aula pública em Portugal, real…