Página Inicial Notícias Política Opinião de Octávio Serrano Os perigosos Leaks do Rui Pinto

Opinião de Octávio Serrano Os perigosos Leaks do Rui Pinto

Trata-se de um dos rostos mais conhecidos da actualidade portuguesa; o do Rui Pinto; uma carinha de miúdo, de cabelo espetado; olhos pequenos, vivos e espertos; mas apesar da aparência, já tem trinta anos este gaiense licenciado em história; que sozinho, auto-didacticamente, se transformou num “haker” informático; muito perigoso para o sistema, mas por muitos admirado.
A policia portuguesa, foi buscá-lo a Budapeste, algemado tal perigoso assassino; sob a acusação de violação de direitos fundamentais como, o direito à privacidade, à intimidade da vida privada e à inviolabilidade da correspondência; crimes cometidos através de meios informáticos; também é acusado de extorsão sobre um fundo futebolístico; até agora não se sabe bem, o âmbito do saque de informação confidencial que o Rui obteve nas suas actividades; sabe-se ser ele a grande fonte de informação do “footbaal leaks”, onde se denunciam fraudes fiscais e desportivas,  internacionais e nacionais; incrivelmente, enquanto por essa Europa fora, existiu a preocupação de com base na documentação apanhada pelo Rui, investigar e processar os faltosos, em Portugal existiu apenas a preocupação em engavetar o moço; e muito do que ele denunciou dos meandros do futebol nacional, foi até à data ignorado.
Apreenderam-lhe  os computadores; para os espiolhar, e quem sabe fazer desaparecer o que por lá estava; pois todos sabemos, que os juízes em Portugal, podem, se considerarem uma prova inválida mandá-la destruir; só que há três problemas; primeiro, existem ficheiros no computador que ninguém consegue abrir; segundo, suspeita-se que existam ficheiros duplicados, guardados em remotos servidores; terceiro, o Rui Pinto, como não confia na justiça portuguesa, não quer colaborar!
Pois a justiça portuguesa insiste em tratá-lo como um facínora, em vez de o tratar como um delator internacional; e isto apesar do Parlamento Europeu ter aprovado uma directiva com vista a proteger os alertadores e denunciantes de crimes internacionais; mas para a mesquinha justiça portuguesa, é mais importante castigar os crimes venais, que expõem os podres do sistema em que vivemos, do que em castigar as fraudes, os roubos e a corrupção endémica; e teimam em não reconhecer ao Rui Pinto, o estatuto de denunciante, desonerando-o pelo bem que tem feito, das ilegalidades que eventualmente praticou!
Porque será? Eu imagino, que exista muita gente, que gostaria de ver o Rui Pinto bem fechado a sete chaves, para o resto da vida, de modo a que não pudesse fazer mossa a ninguém; ou pior, que o fizessem desaparecer; talvez por isso, o Rui tenha entregue atempadamente ficheiros altamente comprometedores ao  Consórcio Internacional de Jornalistas de Investigação, há já dois anos; e em Dezembro ultimo, certamente com a sua conivência foram publicados na imprensa internacional, documentos do  chamado “Luanda Leaks”; onde são expostos os esquemas de saque ao Estado Angolano, perpetrados pela Engª Isabel dos Santos; o que permitiu que a comerciante de ovos em pequenina, construísse um império económico internacional; as ondas de choque foram tão grandes, que o seu império está à beira de soçobrar; com todos os oportunistas, com muita responsabilidade coadjutora, a quererem abandonar o barco precipitadamente.
Agora a ex-eurodeputada Dra. Ana Gomes, veio confirmar o que já se suspeitava; que o Rui Pinto tinha mais “Leaks” para divulgar;  os quais, certamente estarão entregues em boas mãos; pois bastar-lhe-á dar a sua anuência, e sucessivos terramotos económicos e políticos, atingirão grandes responsáveis por muito o que de mau, tem sucedido em termos de falcatruagem nestes últimos anos; suspeito, que a publicação do “Luanda Leaks”, foi uma séria advertência; tenham cuidado, vejam lá o que me fazem!
Perante tudo isto, suspeito, que os grandes poderes sejam pragmáticos; claro, que não vão dar ao Rui Pinto o estatuto de denunciante; nem o vão libertar já; certamente vão penalizá-lo com uma pena de prisão, coincidente com a já cumprida em preventiva; dizer-lhe, ganha juízo, pois alguém pode querer vingar-se de ti; e de seguida soltam-no bem avisado; e o Rui irá à sua vida; aguardá-lo-á então, emprego muito bem remunerado em qualquer parte do mundo, que aprecie os seus dotes!
Um bem hajam e uma boa semana!

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por RuiCustodio
Carregar mais em Política

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja Também

Declaração da Situação de Alerta

Face às previsões meteorológicas para os próximos dias, que apontam para um significativo …