Opinião de Octávio Serrano O sistema de ensino entre quatro paredes irá acabar

A meados de Março foi decidido encerrar as escolas de todos os graus de ensino, para evitar a propagação da Covid19; uma comunidade inteira veio para casa, sem saber quando voltaria a ter aulas presenciais; um ano lectivo ficou em causa, com todas as consequências negativas associadas ao facto; um país perder um ano escolar, representa um prejuízo incalculável; pois trata-se de um processo lectivo que bruscamente se interrompe, e cuja recuperação dificilmente se efectua.
A única alternativa, para não parar totalmente, seria o ensino à distância; para o qual ninguém estava preparado; nem o ministério da educação; nem os professores; nem os alunos; nem os país dos alunos; mas os meios tecnológicos existiam; uma rede bastante alargada de fibra óptica; plataformas de comunicação on-line; partilha de vídeos e emails; a maioria dos alunos com acessos a computadores e telemóveis; e quando não, quase sempre havia quem tinha disponibilidade para os ceder; nem que fossem juntas de freguesia!
E assim nesse período, antes das férias da Páscoa, muito informalmente, muito anarquicamente, formou-se melhor ou pior, um precário sistema de ensino à distância, que permitiu aos professores ensinar e acompanhar; aos alunos continuar a aprender; mesmo antes de o Ministério da Educação ter organizado um novo sistema de telescola para o segundo ciclo de ensino; terá resultado na plenitude? Certamente que não! Mas o que é facto, é que aconteceu uma reacção muito positiva da comunidade escolar à interrupção das aulas presenciais! O ensino de novos conteúdos, e a consolidação dos anteriormente transmitidos, aos vários graus de ensino, continuou efectuar-se na generalidade das situações! E entretanto o Ministério da Educação veio impôr alguma norma e uniformidade; desenvolvendo ainda que incipientemente, um verdadeiro sistema de ensino à distância! Louvável!
Mas o que eu quero, desde já aqui ressaltar, é o seguinte; o velhíssimo sistema das aulas presenciais, marcado por horários rígidos e monótonos ,estará a partir de agora, posto em causa! Principalmente, para o 3º ciclo e ensino universitário; pois haverá quem o coloque em causa no futuro próximo! Um novo paradigma de ensino, certamente aparecerá!
Porque é que os conteúdos das aulas, dadas pelos professores com melhor capacidade comunicativa não são devidamente gravadas e disponibilizadas, para visualização imediata ou posterior? Porque é que estas aulas não são transmitidas on-line ou não ficam disponíveis no youtube? Para quê, fechar vinte e tal alunos numa sala, já que o conteúdo necessário de determinada matéria estará universalmente disponível para todos? Porque é que o ensino tem de ser presencial, se pode ser interactivo?
Sim interactivo! Porque, sabe-se bem que não chega assistir a aulas on-line! Será necessário, um apoio de consolidação de aprendizagem de rectaguarda; continuo e directo; dado por professores vocacionados para um ensino de proximidade; e estar próximo não significa estar junto; hoje significará, principalmente estar interconectado; directamente; em rede!
Porque é que não se utilizam plataformas digitais para desenvolver a aprendizagem teórica do aluno? Porque é que os alunos não podem ter aprendizagem continua e explicações via internet? Poderá o professor transformar-se num “personal trainer” intelectual dos alunos a seu cargo? Poderá, cada aluno, ter uma aprendizagem adaptada às suas carências educacionais?
Claro, que aulas de conteúdo prático teriam de continuar a ser presenciais; só que muito provavelmente o aproveitamento pessoal das aulas práticas, seria muito mais efectivo e consolidado, quando acompanhado por uma boa assimilação teórica por parte dos alunos!
Não tenho a certeza, se no pós-Covid19, haverá uma grande mudança no paradigma de ensino secundário; já no ensino universitário, a reforma educacional certamente irá acontecer; fechar entre quatro paredes, professores e alunos, para assistir a aulas teóricas, não terá futuro! Por motivos práticos, educacionais e económicos; a transformação vai ter de acontecer!
Um bem hajam e uma boa semana!





Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER

Copyright©Cister.fm