Página Inicial Notícias Política Obras de consolidação da estrutura da Igreja de São Gião em curso – Sistema de rega próprio no Complexo Desportivo da Nazaré

Obras de consolidação da estrutura da Igreja de São Gião em curso – Sistema de rega próprio no Complexo Desportivo da Nazaré

DCIM\100MEDIA\DJI_0104.JPG

Estão em curso as intervenções de consolidação da estrutura do edifício da Igreja de São Gião, localizada na Quinta de São Gião, na freguesia de Famalicão.

Este equipamento está a ser alvo de obras de Restauro e de Consolidação Estrutural através de um investimento de 244.954,12 euros.

Inserida no Eixo 7 do Centro 2020 – “Afirmar a Sustentabilidade dos Territórios”, no objetivo temático “Proteger o Ambiente e Promovera Eficiência dos Recursos”, na prioridade do investimento “A Conservação, Proteção, Promoção e Desenvolvimento do Património Natural e Cultural, a reabilitação do Monumento Nacional”, esta obra está identificada no Pacto para o Desenvolvimento e Coesão Territorial, que faz parte integrante do PEDU da Nazaré, aprovado e contratualizado entre o Município da Nazaré e a Autoridade de Gestão do Programa Operacional Regional do Centro.

A operação em curso visa possibilitar a visita ao local, com elevado interesse turístico, científico e académico, dentro de poucos meses, estando o modelo de funcionamento futuro pensado para ser semelhante ao do Forte de S. Miguel Arcanjo.

Para o local está aprovada a instalação de uma loja de apoio aos visitantes e um Centro Interpretativo do Monumento.

A Igreja de São Gião, localizada na Quinta de São Gião, freguesia de Famalicão, é património classificado Monumento de Interesse Nacional (nº2 do art.º 15 da Lei 107/01 de 8 de setembro). Insere-se numa exploração agrícola, adossado a outro edifício mais recente, a cerca de 600 metros do mar, numa língua de terra arável, entre o areal e uma encosta rochosa.

A preservação e usufruto do edifício pela população e visitantes foram marcadas como uma prioridade.

Relvados do Complexo Desportivo da Nazaré com fonte própria para alimentar sistema de rega

Os campos relvados do complexo desportivo da Nazaré passarão a dispor de um sistema próprio de rega que se estima poder vir a traduzir-se em poupanças de consumos e custos a curto prazo.

Depois de realizados trabalhos de pesquisa para a captação de água subterrânea em quantidade suficiente para passar a ser utilizada como fonte de rega regular dos campos de futebol (sintético e natural) do complexo desportivo, duas das infraestruturas municipais com maiores consumos diários de água, garantiu-se o recurso que passará a ser a fonte principal de manutenção da qualidade exigida.

O consumo de água tem atingido valores bastante elevados, pelo que a gestão dos dois equipamentos municipais procurou alternativas.

Além da redução de custos, a medida teve, ainda, como fim encontrar um recurso que promova o uso eficiente da água, cada vez mais uma prioridade reconhecida, dado ser um recurso essencial não só à qualidade de vida das populações, como ao desenvolvimento económico e aos ecossistemas.

Os campos de futebol são cada vez mais utilizados pelos escalões de formação e seniores, e solicitados por entidades desportivas, como a Associação de Futebol de Leiria ou a Federação Portuguesa de Futebol, para jogos de preparação das seleções ou respetivos campeonatos.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por jcaetano
Carregar mais em Política

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja Também

Porto de Mós reduz impostos às famílias e empresas

Num contexto especialmente adverso para todas as famílias e empresas do concelho de Porto …