Página Inicial Notícias Política Investimento nos refeitórios escolares resulta num aumento de cinco mil refeições

Investimento nos refeitórios escolares resulta num aumento de cinco mil refeições

 

Agrupamento de Escolas Josefa de Óbidos – ano letivo 2018/ 2019 


Do investimento que a Câmara Municipal fez nos refeitórios escolares do Agrupamento de Escolas Josefa de Óbidos resultou maior certificação dos cozinheiros, e um aumento de cinco mil refeições no ano letivo 2018/ 2019.

A preocupação na promoção da saúde e prevenção da doença, por parte do Município de Óbidos levou a que tivesse sido criada uma estratégia que tem por base um programa de nutrição.


Despertar nas crianças e jovens a atenção para os alimentos que ingerem diariamente e investir ao nível da qualidade das refeições servidas em contexto escolar, foram grandes preocupações deste executivo.


Tem sido desenvolvido um trabalho diário quer em parceria com os responsáveis pelas cozinhas, quer com os alunos, onde se desmistificava o conceito da confeção da refeição. Partilham sugestões (quer no acompanhamento diário, quer através da realização dos inquéritos de satisfação alimentar realizados em todas as escolas, quer através de ações de sensibilização sobre as regras dos refeitórios escolares).

Diariamente uma nutricionista e uma técnica de nutrição estão presentes na hora da refeição, acompanhando os alunos, incentivando-os a almoçar, ou pelo menos numa primeira fase «a provas», mesmo aqueles que só vinham acompanhar os colegas.


Convidar os pais e Encarregados de Educação a almoçar na escola e partilhar as suas opiniões foi outra das formas de melhorar este serviço.


A “Brigada da Cantina”, um grupo de alunos que visita as cozinhas com regularidade, têm como responsabilidade sensibilizar os colegas para a questão dos desperdícios alimentares e participam ativamente na construção das ementas.


Envolver a comunidade Educativa, é fundamental. Havia muitos alunos que tiravam a senha e depois não iam almoçar. Estas situações foram identificadas, e hoje poucas se verificam. Os próprios Encarregados de Educação “não tinham esta perceção”.


Hoje, os alunos da Escola Josefa de Óbidos perceberam a mudança, tanto ao nível do investimento na qualidade da refeição, como na sua confeção, e comentam:

– ”A sopa melhorou bastante, tem mais corpo e mais sabor. Agora já gosto das sopas”

– ”Noto que há mais variedade de fruta diariamente”

– ”A comida está muito melhor, o sabor é delicioso”

– “O ponto de cozedura da massa e arroz está melhor”


De realçar que nos bares foi feito igual investimento, sempre com a preocupação pela promoção da saúde e prevenção da doença.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por jcaetano
Carregar mais em Política

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja Também

FabLab de Porto de Mós inaugurado

Aberta ao público recentemente, o FabLab de Porto de Mós viu hoje as suas instalações inau…