Página Inicial Notícias Desporto Guilherme Mota brilhou no contra-relógio do Europeu, Julian Espinoza no Campeonato Panamericano de Juniores

Guilherme Mota brilhou no contra-relógio do Europeu, Julian Espinoza no Campeonato Panamericano de Juniores

Um brilhante 12º lugar foi conquistado por Guilherme Mota, do Alcobaça Clube de Ciclismo/Crédito Agrícola na prova de contra-relógio do Campeonato da Europa, que teve lugar em Brno, República Checa, onde esteve a representar a Selecção Nacional. Guilherme Mota levou 32m:02s para completar os 23 quilómetros da prova, mais 2m11s do que o belga Remco Evenepoel, que venceu o contra-relógio com o tempo-canhão de 29m51s.

O corredor da formação alcobacense alcançou um dos melhores tempos de um português neste tipo de prova. Este promissor ciclista já este ano se sagrou Campeão Nacional de Contra-Relógio no escalão de Juniores e vencedor da Taça de Portugal de Juniores.

Neste domingo a Selecção de Juniores, orientada por José Poeira irá disputar a prova de estrada deste Campeonato da Europa, com um percurso de 118,8 km, em Brno – Zlin, na República Checa, sendo a equipa constituída por Guilherme Mota, do Alcobaça Clube de Ciclismo/Crédito Agrícola, e António Ferreira e Pedro Andrade (Vito/Feirense), Hélder Gonçalves e João Carvalho (Seissa) e Rúben Simão (Sporting/Tavira).

 

 

O Campeonato Panamericano de Juniores é o próximo destino competitivo do atleta Julian Espinoza, do Alcobaça Clube de Ciclismo/Crédito Agrícola, que vai integrar a Selecção Nacional da Costa-Rica, país de onde é natural, para disputar aquela importante competição que terá lugar em Cochabamba, na Bolívia de 31 de Julho a 6 de Agosto de 2018.

Julian Espinoza nasceu no dia 1 de Julho de 2001, em San Isidro, no cantão de Pérez Zeledón, na parte sul da província de San José, na Costa Rica, até que em Agosto de 2011 acompanhou a mãe que veio exercer medicina em Portugal. Rapidamente começou a praticar desporto e em 2015 integrou a equipa do Alcobaça Clube de Ciclismo/ Crédito Agrícola, no escalão de Juvenis. Em 2016, já no escalão de Cadetes foi vencedor da Taça de Portugal de Cadetes e venceu ainda o prémio Eugénio dos Santos, o Circuito da Silveira e o III Circuito Jovem das Vindimas de Alenquer a par de vários segundos lugares. No ano de 2017, venceu a prova de Paio Pires, o Troféu da Feira do Mato, no Turcifal, o  Prémio João Francisco na Póvoa da Galega e foi vencedor da Taça de Portugal de Cadetes. Neste ano, foi o vencedor do Prémio Vitor Rocha, na Maiorga onde alcançou o 1º lugar no escalão de Juniores e venceu o Grande Prémio do Mondego.

A sua carreira competitiva tem sido observada pela FECOCI – Federação Costarricense de Ciclismo e após conversações com o Selecionador Mario Amien e com o Vice-Presidente da FECOCI Julian Espinoza foi convocado para integrar a Selecção da Costa Rica nesta competição. O jovem corredor em entrevista ao CRCICLISMO.COM afirmou “disseram-me para comprar a viagem até à Costa-Rica e dai em diante eles encarregam-se de tudo” e assim concretiza-se mais um passo na vida deste jovem que anseia por ser corredor profissional e que há mais de um aguarda pela nacionalidade portuguesa, um pedido que encalhou nos registos e notariado de Portugal.

A atleta Madalena Santos, benjamim, foi 1ª no Encontro Nacional de Escolas;

 

A equipa de Cadetes ficou em 3º lugar na Prova de Loures.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por jcaetano
Carregar mais em Desporto

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja Também

Catarina Midyana vence em casa

Realizou-se nos dias 12 e 13 de Outubro no Clube de Ténis de Alcobaça, o torneio Os Caloir…