Página Inicial Notícias Cultura e Música EXPOSIÇÃO “OS NATIVIDADE – O CULTO DO SABER”

EXPOSIÇÃO “OS NATIVIDADE – O CULTO DO SABER”

 

Por ocasião das efemérides dos 100 anos da morte de Manuel Vieira Natividade (20 abril 1860 – 20 fevereiro de 1918) e dos 50 anos da morte de Joaquim Vieira Natividade (22 novembro 1899 – 19 novembro 1968), a Câmara Municipal de Alcobaça e a Direção-Geral do Património Cultural – Mosteiro de Alcobaça, organizam uma exposição antológica dedicada ao vasto e magnífico legado histórico-cultural dos Natividade.

 

A sua proeminência marca, ainda hoje, não somente o quotidiano local como também o património nacional. Bem para além da imediata evocação do trajeto destas duas figuras maiores da cultura científica portuguesa e da sociedade alcobacense, a exposição está firmada numa palheta transversal e multifacetada dos domínios da intervenção dos Natividade, correspondendo ao papel fundador e impulsionador que assumiram, em tempos distintos, na “construção” de uma Alcobaça, tanto moderna, como mundana.

 

Atendendo a esta premissa conceptual, propomos uma abordagem simultaneamente diacrónica e sincrónica que percorre várias temáticas, com particular incidência no(s) espaço(s) de influência erudita, mas não só, que os próprios protagonizaram e que acabariam por moldar significativamente a matriz alcobacense contemporânea. Da arqueologia e da etnografia ao Mosteiro e Coutos de Alcobaça, do comércio e industria à intervenção social, artística e cultural, a presente exposição pretende ser sobretudo um contributo abrangente da proporção eclética e multidimensional dos Natividade.

 

Um contributo que não se cingia tão pouco ao labor solitário do pai (Manuel) e dos filhos (Joaquim e António) mas que antes se estendia a um vasto campo de vivências e de protagonistas que se muniam, em sentido obrigatório e de reverência, da prática do conhecimento e do culto do saber.

 

MOSTEIRO DE ALCOBAÇA – GALERIA DE EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS

Público Escolar ou Visitas por Marcação – 10h00 às 12h30
Público Geral – 14h00 às 17h30

Comissariado: Alberto Guerreiro e Isabel Costeira

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por jcaetano
Carregar mais em Cultura e Música

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja Também

“As invasões francesas no concelho da Pederneira” em exposição no Centro Cultural

O Centro Cultural a Nazaré está a assinalar a passagem de mais um aniversário sobre as inv…