Criação de central fotovoltaica preocupa habitantes do Juncal

A população do Juncal está preocupada com a instalação de uma central fotovoltaica na freguesia, que irá obrigar à desmatação de 20 dos 37 hectares da floresta.

O presidente da junta de freguesia, Artur Louceiro, explica que os moradores estão apreensivos principalmente com a proximidade das casas e com o condicionamento do crescimento da vila.

Presidente da Junta de Freguesia – Artur Louceiro

Numa sessão de esclarecimento, os representantes empresa asseguram que o projeto cumpre todos os requisitos legais e que não trará problemas às pessoas.

A central terá capacidade para produzir 19 gigawatts por hora, suficientes para fornecer energia a cerca de 5.800 casas e, durante os seus 30 anos de vida útil, vai evitar a emissão de mais de 7000 toneladas de dióxido de carbono por ano.

R. Cister, Adriana Zeferino

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER

Copyright©Cister.fm