Portugal com mais 458 casos confirmados e 5 mortes por Covid-19. Mais de um milhão de recuperados

Boletim da DGS dá conta de mais 907 pessoas recuperadas da doença causada pelo vírus SARS-CoV-2, elevando para mais de um milhão o número de pessoas livres do vírus desde o início da pandemia. O risco de transmissibilidade (Rt) fixa-se nos 0,85 a nível nacional.

13-09-21 – 15h55

Boletim da DGS dá conta de mais 907 pessoas recuperadas da doença causada pelo vírus SARS-CoV-2, elevando para mais de um milhão o número de pessoas livres do vírus desde o início da pandemia. O risco de transmissibilidade (Rt) fixa-se nos 0,85 a nível nacional.

Nas últimas 24 horas, Portugal registou mais 458 casos confirmados de Covid-19 e cinco mortes associadas à doença, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado, esta segunda-feira, pela Direção-Geral de Saúde (DGS). Feitas as contas, o número total de infetados pelo vírus SARS-CoV-2 subiu para 1,05 milhões (1.056.042 contágios) e o número oficial de vítimas mortais ultrapassa as 17 mil (17.866 óbitos).

À semelhança do que tem vindo a acontecer, a maioria das novas infeções foram registadas nas regiões de Lisboa e Vale do Tejo e Norte (164 e 139 , respetivamente), elevando o total de casos de Covid-19 desde o início da pandemia, nestas zonas do país, para 408.908 e 405.863, pela mesma ordem. Nestas mesmas zonas morreram três pessoas. Segue-se o Centro, com 45 novos casos e duas mortes, o Algarve (29) e só depois o Alentejo (57). A Região Autónoma da Madeira teve mais sete diagnósticos nas últimas 24 horas, tal como os Açores.

O nível de incidência do vírus no território nacional situa-se nos 208,3 casos por 100 mil habitantes. No continente, a incidência é de 214,0. Por sua vez, o risco de transmissibilidade (Rt) fixa-se nos 0,85 a nível nacional e 0,84 em Portugal continental.

Em relação à pressão sobre os hospitais, segundo as autoridades de saúde, existem atualmente 586 pessoas internadas (mais 17), das quais 119 estão em Unidades de Cuidados Intensivos (menos um).

O número de recuperados da doença subiu para 999.904, depois de mais 821 utentes terem alta. Já os contactos em vigilância caíram para 37.243, menos 595 do que no sábado, ao contrário dos casos ativos de Covid-19, que subiram para 37.819 (mais 82).

O número de recuperados da doença subiu para 1 000 811, depois de mais 907 utentes terem alta. Já os contactos em vigilância caíram para 36.416, menos 827 do que no domingo, à semelhança dos casos ativos de Covid-19, que caíram para 37.365 (menos 454).

Fonte; DGS/Jornal Económico

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER

Copyright©Cister.fm